Destaque

Problemas respiratórios em gatos


Você sabia que gatos também podem sofrer com problemas respiratórios como asma e pneumonia?


Assim como em humanos, nos felinos domésticos algumas doenças respiratórias têm seus sintomas desencadeados por fatores como clima, poeira, ácaros, pólen, fumaça, cheiros fortes, entre outros. Em outros casos, a doença respiratória pode se manifestar como oportunista, em decorrência de outra doença que esteja debilitando o organismo do animal.


Conheça abaixo algumas das doenças que acometem os pulmões e as vias respiratórias dos gatos.


Doenças virais: rinotraqueíte e calicivirose.


A rinotraqueíte, também conhecida como gripe do gato, é causada pelo herpesvírus e o contágio ocorre por contato direto com secreções de nariz ou olhos e também por espirros. Gatos de qualquer idade podem ser afetados, mas filhotes são mais suscetíveis a pegar a doença. Os principais sintomas são:


- Espirros

- Tosse

- Febre

- Conjuntivite

- Falta de apetite

- Lesões na boca (ùlceras)

- Pneumonia.


Já a calicivirose é provocada pelo calicivírus e o contágo ocorre pelo contato direto entre o animal doente o animal sadio, principalmente por secreções como a saliva. Também pode ser transmitida por objetos que tiveram contato com o animal doente, como brinquedos e acessórios. Os sintomas são praticamente os mesmos da rinotraqueíte, tanto que às vezes é difícil definir qual das duas doenças está atacando o gato.


A prevenção da gripe do gato e da calicivirose é feita por meio de vacinação nos primeiros meses de vida do animal.