Destaque

Gatinho com queda de pelos?


Gatos são animais que chamam atenção pela sua pelagem com diferentes padrões, diferentes cores e comprimentos. Os pelos os fazem fofinhos e nos dá aquela vontade de acariciá-los e até dar uma de Felícia e esmagá-los com muito carinho!

Valorizamos muito os pelos de nosso gatinho e queremos que estejam sempre perfeitos. Mas e se os pelos começam a cair? Será falta de cuidado, doença, período de troca de pelos?

A cada seis meses os felinos passam pela troca de pelos. Nessa época nota-se bastante a queda de pelos desses animais. A troca é super normal e necessário, para eliminar pelos velhos e fracos e dar lugar a pelos saudáveis, forte e brillhantes, Durante o período de troca de pelos a queda é uniforme, não havendo áreas isoladas com alopatia (sem pelos).


Quando se preocupar?


Quando houver perda excessiva de pelos e alopatia localizada. É importante reparar se há coceira, descamação, crostas, bolhas e também se há outros sintomas como vômitos, diarréia ou apatia. Na presença desses sintomas leve o gato ao consultório veterinário para que seja recomendado o tratamento correto.


Quais são as doenças que causam perda de pelos?


Algumas principais doenças são:


Dermatite de contato: É uma alergia provocada por contato com antibióticos, borracha, lã, metais, produtos com corantes, produtos químicos, etc.

Sintomas: Pele vermelha com saliências ou bolhas, coceira e perda de pelos. Atopia: Alergia provocada por inalantes como poeira, ácaros e mofo.

Sintomas: Lambidas nas patas, coceira, vermelhidão e perda de pelos.

Hipotricose congênita: Neste caso os gatinhos nascem com pouco ou nenhum pelo e os pelos caem aos quatro meses de idade. Não há tratamento.

Sintomas: Falta de pelos

Alopecia facial (pré-auricular): Diminuição da densidade dos pelos entre os olhos e as orelhas.