Destaque

Meu gato engoliu um objeto. E agora?

Já diziam que a curiosidade matou o gato, e por serem animais curiosos por natureza muitas vezes ocorrem acidentes dentro da nossa própria casa, como a ingestão acidental de pequenos objetos. Alguns desses corpos estranhos são engolidos e passam pelo aparelho digestivo sem complicações - muitas vezes sem nem a gente se dar conta - porém, outros podem ficar presos dentro do gatinho, causando lesões gástricas e intestinais sérias.

Imagem disponível em: http://noweevil.com/thehive/wp-content/uploads/2012/06/opera-cat-700x437.jpg

- Meu gato engoliu um objeto, como proceder?

Antes de tentar realizar qualquer procedimento é importante checar se a respiração do pet está ocorrendo de forma habitual (ou se há algum objeto obstruindo a sua cavidade oral ou nasal), esse primeiro passo é fundamental para saber o nível de gravidade do caso.

Se o objeto acabou de ser colocado na boca e o gato é manso, tente chamá-lo calmamente (é importante nessa hora não entrar em desespero), e tente abrir sua boca para retirar o objeto com os dedos. Vale lembrar que não devem ser retirados fios ou agulhas que tenham sido comidos pelo gatinho, porque ele podem se prender desde a boca até em partes intestinais – devendo ser removidos cirurgicamente para que nenhum acidente ocorra durante o processo.

Se o objeto foi totalmente engolido, o ronrom deve ser levado imediatamente ao veterinário, onde será feito o acompanhamento do trânsito gastrointestinal do objeto para garantir a ausência de perigos maiores.

A avaliação de um veterinário nesse tipo de caso é fundamental e insubstituível, pois somente ele saberá quais exames devem ser feitos para mostrar a situação e a localização do corpo estranho no aparelho digestivo – podendo definir se será necessário intervir com algum procedimento, e qual o tipo de procedimento a ser realizado.