Destaque

Brincadeiras para gatos

Chegou a hora mais divertida do dia! A hora de interagir com seu gatinho em brincadeiras divertidíssimas e que farão ambos se exercitarem!!


No caso dos filhotes, é fácil imaginar o porquê do estímulo por meio de brincadeiras: elas ajudam a criar uma boa relação entre você e o filhotinho e a estimular os instintos e o desenvolvimento do gatinho.

Mas, na fase adulta também é muito importante que diariamente haja interação e estímulo para diminuir a ansiedade do gato e para que ele se exercite. Sabemos os riscos da obesidade felina e uma brincadeira com exercício físico disfarçado é uma boa maneira de queimar calorias!

Claro, tudo isso com muita segurança para a brincadeira não se transformar em um problema!!


Logo mais, você saberá como evitar problemas e verá como é fácil fazer o ronrom se mexer muito pela casa.


O principal é você identificar o tipo de brincadeira que mais agrada o gato, podendo fazer testes com diversos tipos de brinquedos e não ter preguiça de colocar em prática.

Conheça abaixo alguns exemplos e se inspire:


  • Brincadeiras envolvendo caixas de papelão:

As caixas de papelão são um caso de amor à parte não é? Mas, tente tornar a caixa um instrumento de estímulo da curiosidade, e não apenas um esconderijo ou toca para cochilo. Aí várias ideias são possíveis; tanto a inserção de petiscos dentro, colar cordas com ratinhos pendurados no teto da caixa ou fazer furinhos como na imagem acima e brincar de pega-pega.

Esta ideia da imagem abaixo segue a mesma linha da outra imagem, mas uma alternativa de distração solitária. Um objeto atrativo é fixado de forma que possa fazer movimentos através da caixa. E então a própria patada que o gato dará será responsável por movimentar a varinha e consecutivamente chamar a atenção novamente para o objeto.

  • Brincadeiras com varinhas:

Esta é quase unanimidade, sim eles adoram pular loucamente atrás das varinhas chacoalhantes. Elas são fáceis de serem feitas e também de encontrar para vender. Aproveite para estimular os instintos de caça do seu felino!

Perceba que eles "dão o bote" nas penas penduradas na varinha como se fossem caçar um pássaro. Tente não mexer o tempo todo a varinha para que ele trace uma estratégia de ataque e possa se exercitar sem ficar ansioso - conseguindo atacar "a presa" ao final da brincadeira.


  • Bolinhas:


Aqui temos o imenso universo das bolinhas!

Atraentes principalmente para os filhotes, que gostam de correr atrás delas e empurrá-las entre as patas por horas.

Descubra se esta é a brincadeira que atrai seu gatinho, e caso seja, aproveite para exercitá-lo muito correndo atrás de bolinhas de todos os tipos.

Bolinhas de sacola plástica, de papel, de ping pong, lã e diversas outras. Mas, cuidando sempre para que não engulam ou se machuquem indo atrás delas.


  • Brincando com luzes:

Esta é uma brincadeira que irá divertir dono e pet! Gatos ficam frenéticos pela brincadeira de correr atrás de luzes, ainda mais que adoram caçar no escuro! Compre um laser/lanterna seguro e não mire em direção ao gato, sempre mire no chão ou parede para garantir a brincadeira com segurança. Estimule a curiosidade e as táticas de fuga do ronrom.

  • Brinquedos adquiridos em lojas especializadas:

Interessado em investir nas invenções da indústria do entretenimento felino!? Então o céu é o limite! A variedade de brinquedos à disposição é imensa e pode ser uma alternativa para manter os bichanos distraídos enquanto estiverem sozinhos. E também há opções de brinquedos para você e ele se divertirem muito juntos.


Dicas adicionais para manter tudo sob controle:

  • Alterne a disponibilidade dos diferentes brinquedos para que o gatinho não enjoe facilmente de todos, é interessante ir alternando os dias de brincadeira com cada tipo de brinquedo para que a magia não se perca;

  • Se o gatinho é filho único, ele terá um tempo para aprender a intensidade das mordidas e arranhões nas brincadeiras com você, mas evite este tipo de estímulo para não torná-lo agressivo;

  • Escolha brinquedos resistentes e recolha os mais perigosos (pequenos ou com fios, por exemplo), quando não tiver ninguém para supervisionar;

  • Para preservar as articulações, principalmente dos gatinhos acima do peso, não provocar que pulem muito alto, ou de locais muito altos.


No Blog do Ronrom, saiba mais sobre:


Qualquer dúvida ou sugestão, não deixe de comentar!

Fontes: http://www.cachorrogato.com.br/, http://www.revistapulodogato.com.br/, http://www.hillspet.com.br/, https://gatospardos.wordpress.com/, http://www.cachorrogato.com.br/

Imagens: http://portaldocat.com.br/, http://revistaonlinegatosecia.blogspot.com.br/, http://www.hillspet.com.br/, http://revistameupet.com.br/, http://www.jornalplaneta.com/, http://produto.mercadolivre.com.br/


#dicadebrinquedo #brinquedoparagato #obesidadefelina #exercíciofísico #dicasdesaúde #Bemestar

Enquete
Publicações recentes
Arquivo
Tags
Nenhum tag.

Adote um Ronrom © 2016

Site criado por mmkittens.com

  • Facebook Social Icon

Curta o Adote um Ronrom no Facebook

  • Instagram Social Icon

Siga o Adote um Ronrom no Instagram